Dicas de Feng Shui para 2019


Na técnica mais avançada do Feng Shui Tradicional Chinês (Estrelas Voadoras), a energia das 9 Estrelas se alternam anualmente nos setores dos imóveis. Confira as influências energéticas do Ano do Javali de Terra Yin - que se iniciou no dia 04 de Fevereiro de 2019 – e harmonize a sua casa!

Estrela 8 – Palácio Central: A configuração energética do Palácio Central não é passível de cura, uma vez que ele influencia todos os setores do imóvel ao mesmo tempo. De Fev/2019 a Fev/2020, a bondosa Estrela 8 visita o centro de todos os imóveis. A Estrela 8 representa o Elemento Terra e está associada ao trigrama “Gen” do I CHING.  Essa energia traz segurança, harmonia e serenidade para o lar, independente da configuração energética do imóvel. Para os imóveis comerciais, essa energia pressagia progresso lento e gradual. 

A imagem do trigrama “Gen” é uma Montanha e o seu atributo é a Quietude. De energia forte e compacta, fixa e imperturbável, como um grande monte que se eleva aos céus, a Terra da Montanha não é leve e móvel como a Terra que se ara para plantar, embora também se possam cultivar alimentos nas montanhas. A diferença desse tipo de Terra está na sua capacidade de concentração. Por isso, tanto a meditação quanto quaisquer outras atividades que envolvam a concentração, seja da mente seja do corpo, como os estudos ou as artes marciais e a yoga, serão favorecidas nesse período.

O trigrama “Gen” também representa um celeiro. Após a colheita dos grãos (outono), é chegado o inverno, e todas as sementes devem ser estocadas no celeiro à espera do próximo plantio. No silêncio, dormita a vida no interior das sementes, demonstrando que nem o mais rigoroso inverno pode acabar com a vitalidade, que segue pulsando nas camadas mais profundas do nosso ser. Esse momento de recolhimento está associado ao final de um ciclo, à morte aparente e à espera do momento mais oportuno para voltar-se, novamente, ao mundo exterior de maneira totalmente renovada. Logo, esse ano deve ser dedicado ao descanso das grandes jornadas e à reposição das energias para se seguir adiante, pois permanecer para sempre no cume de uma montanha não é possível. Cedo ou tarde, temos que descer e encarar os desafios da vida mundana outra vez.

Toda essa energia de concentração da Estrela 8, todavia, tem dois aspectos: as acumulações e as estagnações energéticas. Porque a energia da Montanha é muito densa, todo o tipo de acúmulo também é facilitado. Podemos acumular riquezas e boas lembranças, assim como podemos acumular sujeira, bagunça, ressentimentos e gorduras. Mas o que vai ser acumulado na sua casa - e na sua vida, quem decide é você!

A estagnação, por outro lado, pode trazer o imobilismo da Montanha para as nossas vidas. Na dúvida de se fazer isso ou aquilo, muitas vezes, não fazemos coisa alguma. Mas ficar parado não é a atitude ideal no período que se segue. Descansar não significa, necessariamente, parar. Logicamente, não há progresso na estagnação. Nossa vida é feita de setores, assim como a nossa casa. Se deixarmos todos os setores sem assistência ao mesmo tempo, tudo começará a desmoronar em questão de minutos. Por isso, a paz e a tranquilidade da Montanha devem nos acompanhar de modo mais interiorizado, evocando a ponderação e a temperança em nosso caráter, e não a preguiça e a indolência em nosso corpo. Essa diferença, no entanto, é dificilmente percebida pelos preguiçosos... Sendo assim, para que as doenças não encontrem guarida em nossa casa, o momento exige limpeza e organização. E isso dá trabalho, não é mesmo?

Mas as crianças também podem - e devem - participar desse processo de limpeza e organização.
Afinal, a Estrela 8 também representa as crianças! Nada melhor do que ensinar os pimpolhos desde cedo a realizar as tarefas domésticas mais fáceis para que tomem a consciência da importância de se manter a nossa casa limpa, pois a nossa cidade é apenas uma extensão dela. Guardar os brinquedos, arrumar a cama, ajudar a guardar as louças, colocar as roupas na máquina de lavar, varrer a sala, aspirar os tapetes, dar comida para os pets... Esses pequenos afazeres podem se tornar bastante divertidos para as crianças. Mas lembre-se que, dependendo da idade da criança, a supervisão de um adulto é fundamental.

No corpo, a Estrela 8 tem relação com os ossos dos pés e das mãos, com as costelas e com o nariz. Por isso, os conflitos envolvendo essa energia podem causar complicações de saúde nessas áreas do corpo.

Localize as Estrelas Voadoras no ano de 2019:



Fique atento quanto à localização das Estrelas 2 e 5 na sua casa! A influência dessas estrelas costuma ser nociva, causando diversos prejuízos. 

Estrela 5 – Setor Sudoeste: A Estrela 5 visita o Setor Sudoeste de Fev/2019 a Fev/2020. Durante esse período, esse setor pode trazer contratempos, acidentes, doenças abdominais e perdas financeiras. A longa permanência nesse setor deve ser evitada. 
Usar o Som do Metal: Um relógio de carrilhão dourado, que toque de hora em hora, é bem eficiente! Se for um dormitório, deixar tocar músicas calmas ao piano antes de dormir é uma boa opção. Se essa estrela estiver porta de entrada do imóvel, instale um pin tibetano na parte interna e superior da porta. 
Observação: Evite usar o Elemento Fogo, em cores e formas, bem como o Elemento Madeira nesse setor.

Estrela 2 – Setor Nordeste: A Estrela 2 visita o Setor Nordeste até Fev/2020. Durante esse período, esse setor pode trazer doenças, principalmente, para a região abdominal e para os órgãos reprodutores femininos.
Usar uma Cabaça Dourada: Ideal para filtrar a energia da doença gerada por essa estrela. Para mais informações sobre o uso da cabaça, acesse o link: http://www.fengshuidesign.com.br/cabacas.html
Observação: Evite usar o Elemento Fogo, em cores e formas, bem como o Elemento Madeira nesse setor.


ATENÇÃO: Todas as recomendações desse artigo são generalizadas. Para saber quais são as energias presentes no seu imóvel, solicite uma Consultoria de Feng Shui Tradicional através do e-mail: contato@fengshuidesign.com.br ou entre em contato comigo pelo Cel: +55 51 99278.5823 – Whatsapp.

Boa sorte!

Comentários