A Água e as Mensagens Ocultas


Foto de amostra de água exposta à musica Lago dos Cisnes, de Tchaikovsky


Quem teve a oportunidade de assistir ao documentário “Quem somos nós?” (“What a bleep do we know?”) deve se lembrar das cenas que mostravam um peculiar estudo realizado sobre a água e a sua incrível capacidade de absorver a energia dos ambientes, dos sentimentos humanos e das palavras.

Resumidamente, hoje sabemos que tudo é energia e que toda energia emite uma determinada vibração, que tende a se propagar através de partículas no meio ionosférico, gerando uma certa frequência e comprimento de ondas.

O pesquisador japonês Masaru Emoto analisou o comportamento da água submetida a diversas situações cotidianas, desde a sua exposição a orações, músicas eruditas, palavras belas e gentis, até ritmos violentos, palavras depreciativas e pensamentos negativos.

Coletando amostras de água de todas as partes o mundo, Dr. Emoto percebeu que algumas amostras analisadas em microscópio, quando congeladas, formavam belíssimos cristais de gelo. Esses cristais se formavam na tempura aproximada de -15°C e duravam entre 20 e 30 segundos, sendo registrados através de fotografias em alta velocidade.

As águas puras das fontes e as águas submetidas a situações, palavras e imagens carinhosas formavam cristais regulares, coloridos e complexos.


1                                                                    2                                                                         3
1. Água exposta à fotografia de um golfinho.
2. Água exposta à fotografia da Terra.
3. Água exposta à fotografia de um límpido lago azul do Parque Nacional de Yellowstone, EUA.

Determinadas músicas também formavam cristais muito interessantes...

1                                       2                                                3                                                                  4
1. Ária na 4° Corda - Bach (arranjo para violino e piano). 
2. Heartbreak Hotel - Elvis Presley.
3. Estudo em Mi Maior - Chopin.
4. Canção de ninar da Áustria.

Como podemos observar, a beleza da composição de Bach é bem representada pelo aglomerado de belíssimos cristais. Já a água exposta à música de Elvis Presley se divide em duas partes, como se imitando a canção. Os cristais que se formaram pela exposição ao piano de Chopin parecem pequenas gotas flutuantes, enquanto que a canção de ninar austríaca parece conter a força de um anjo protetor.

Contudo, amostras de águas poluídas, provenientes de várias capitais mundiais, e águas expostas a palavras e pensamentos negativos e de ordem não formavam cristais. Ao contrário, essas amostras apresentavam deformações e colorações assustadoras.

1                                                                        2                                                                          3 
1. You fool! ("Idiota", em inglês).
2. Idiota! (em japonês).
3. Você me deixa doente! Vou matar você! (em japonês).


Nas imagens 1 e 2, vemos duas amostras de água expostas à palavra "idiota" em dois idiomas diferentes. Ambas sintetizaram a humilhação e o desprezo dessa energia de baixíssima vibração. Na imagem 3, podemos até mesmo ver a figura de um homem empunhando uma arma.


As irregularidades das amostras expostas ao estilo musical Heavy Metal e à palavra "idiota" (em japonês) são muito semelhantes...



Amostra de água exposta ao estilo de música Heavy Metal




Dr. Emoto trabalhou incansavelmente para trazer esse estudo ao conhecimento do grande público. O que antes não podia ser visto, agora se tornou uma revelação: as moléculas da água, além de serem um fantástico veículo condutor de energia, são afetadas pelas vibrações energéticas a que estão submetidas, criando a forma dessas, e espelhando um mundo de energias sutis tão real quanto nós mesmos.


Água da fonte do lago Chuzenji, Japão, antes e depois do tratamento com cloro


Mas se água tem a capacidade de absorver, memorizar e transmitir as mesmas vibrações energéticas a que são submetidas, a questão mais pertinente se ergue sobre nós mesmos.  Se levarmos em consideração que o nosso corpo físico se constitui, em média, de 70% de água, essa pesquisa nos alerta para um provável quadro de doenças, degenerações e mortes, em grande parte, causadas por um estilo de vida danoso e inconsequente, imperativo das grandes metrópoles, há muito alienadas da Natureza e das virtudes morais.

O mais incrível na pesquisa do Dr. Emoto é a solução encontrada para neutralizar as energias nocivas que emitimos e recebemos constantemente: AMOR E GRATIDÃO!


Amostra de água exposta às palavras "AMOR E GRATIDÃO"


O cristal mais belo e perfeito encontrado pelo Dr. Emoto veio de amostras de água expostas às palavras "Amor e Gratidão". Até mesmo as ondas nocivas dos fornos de micro-ondas e dos telefones celulares conseguiram ser neutralizadas pela fortíssima vibração positiva que essas palavras carregam em seu sentido. 

1                                                                          2
1. Amostra de água exposta às palavras "Amor e Gratidão" e depois aquecida em forno de micro-ondas.
2. Amostra de água destilada aquecida em forno de micro-ondas.


1                                                                      2
1. Amostra de água exposta às palavras "Amor e Gratidão" e, posteriormente, exposta   a telefones celulares.
2. Amostra de água destilada e exposta a telefones celulares.

Além de salientar o grande perigo das tecnologias modernas, com todos os aparatos eletroeletrônicos que nos prometem uma vida mais prática e dinâmica ao custo da nossa própria saúde, Dr. Emoto está convencido de que somente o Amor, aliado ao sentimento de profunda Gratidão, é capaz de reverter as tantas mazelas que a humanidade vem sofrendo ao longo de tantos milênios. 

Amostra de água exposta à palavra "ANJO" (em japonês)
Amostra de água exposta à palava "SATÃ" (em japonês)

Logicamente, para que as energias maléficas exteriores nos atinjam é necessário criarmos um campo de ressonância para essas energias, ou seja, é preciso vibrarmos na mesma sintonia ou simpatizarmos por essas vibrações, "abrindo brechas" em nosso campo energético protetor. Por isso, o maior perigo não vem de fora, mas provém dos nossos próprios pensamentos.  A inveja, o ciúmes, a raiva, o medo, o ódio, a intolerância, a tristeza, o orgulho e a arrogância não podem se propagar em uma alma sadia. 

                         1                                                                2                                                                                3          
1. Amostra de água da fonte de Lourdes, França, conhecida pelo seu poder de cura. O seu formato lembra o cristal exposto à palavra "Anjo".
2. Amostra de água da Fontana Di Trevi, Itália. O curioso cristal com forma de moeda imitou as muitas moedas que são jogadas nessa fonte pelos turistas.
3. Amostra de água de uma fonte da Tasmânia, região rica em diamantes.

Sem dúvida, é humanamente impossível nos livrarmos, completamente, dos pensamentos negativos que povoam a nossa mente. Vivemos em um mundo cheio de guerras sociais, transtornos psicológicos, corrupções e prostituições, fome e miséria. No entanto, não é vivendo alienados dessa realidade, confinados em uma bolha de felicidade permanente e ilusória, que resolveremos os nossos problemas.

Antes, devemos compreender que a cura para toda vibração negativa reside em sua vibração oposta. A gentileza neutraliza a raiva, o amor neutraliza o ódio, a coragem neutraliza o medo e assim por diante. 


Amostras da água de um lago, antes e depois de uma oração budista de cura




A paciência é a chave-mestra para se experimentar essa grande oportunidade de crescimento espiritual que se impõe às consciências mais abertas, mais preparadas. A nossa saúde espiritual é de grande influência para a saúde espiritual do planeta. Vibrando positivamente, reforçamos a vibração positiva do nosso próximo e ajudamos a despoluir o mundo da tristeza, da ansiedade, da violência, da ignorância e da separação. 


Ao Dr. Emoto, a minha admiração e o meu agradecimento!


Amostra de água exposta à palavra "OBRIGADO" (em japonês)

Todas as imagens desse post foram tiradas do livro HADO - MENSAGENS OCULTAS NA ÁGUA, de Masaru Emoto - Ed. Cultrix, São Paulo, 2001.


Boa Sorte!

Comentários